Cartão BNDES passa a financiar desenvolvimento de softwares

No dia 26/03 deste ano, o BNDES anunciou que passará a financiar serviços de desenvolvimento de software sob encomenda, websites corporativos e de lojas virtuais.

Em comunicado enviado pela instituição às empresas credenciadas, fomos informados de que “o anúncio foi feito durante o jantar de posse da nova diretoria da Associação Brasileira das Empresas de Software (Abes) pela chefe do Departamento de Produtos do BNDES, Irecê Fraga.” Assim, ampliou-se o espaço para que micro, pequenas e médias empresas possam investir em melhorias tecnológicas em diversas frentes.

Sistemas ERP nacionais e aplicações prontas desenvolvidas no país já podiam ser adquiridos com o cartão BNDES, como “produtos”. Já faz alguns anos que a Enterprise Sistemas é credenciada do BNDES como fornecedora de ERP, o Sistema Centurion, e de aplicações complementares, como a plataforma Vulcano para comércio eletrônico, o Antares para vendas (SFA) e apontamentos de manutenção em campo.

De acordo com Ricardo Albano, chefe do Departamento de Operações de Internet do BNDES, a diferença é que agora “as MPMEs poderão usar o cartão para encomendar diversos sistemas e aplicativos, contemplando desde aplicações industriais, Internet das Coisas (IoT), machine-to-machine (M2M) e soluções similares, até softwares para plataformas móveis“, ou seja, mesmo que sejam desenvolvidas sob demanda e/ou exclusivas.

O BNDES indica que o Brasil é líder em investimentos tecnológicos na América Latina. Em 2017, chegamos à marca de U$38 bilhões, segundo dados da própria instituição.

Ao investir em softwares prontos ou no desenvolvimento de soluções, é recomendável que o empresário verifique a maturidade da softhouse contratada.

Empresas tradicionais são mais sólidas e reúnem condições mais confiáveis, tanto para fornecimento de ERP quanto para desenvolvimentos específicos.

Para consultar a Enterprise sobre isso, basta falar conosco por um de nossos canais de comunicação.